Blog


28.08.2019

Os jardins verticais e a tendência do verde integrado aos ambientes

Com as cidades sendo cada vez mais referidas como ‘’selvas de concreto’’, o uso de jardins verticais é tendência em casas e apartamentos que querem uma pegada sustentável e uma forma de se sentir mais próximo à natureza. Confira algumas inspirações para montar o seu:

(Projeto Studio Costa e Azevedo)

 

(Projeto de André Eyer e Beatriz Molinari / foto de Lufe Gomes)

 

O jardim vertical é um tipo de paisagismo que consiste em ordenar plantas verticalmente e sua grande vantagem é que usa pouco espaço. O ideal é que o cômodo escolhido receba luz, garantindo a vida das plantas, caso elas precisem de luz solar. Há plantas como as samambaias que sobrevivem com pouca luz e se adaptam bem à sombra. Também é preciso prestar atenção na irrigação que cada planta escolhida necessita e sua adubação. A poda é essencial para que novos ramos cresçam livres.

 

(Projeto do paisagista Gil Fialho / foto de Lufe Gomes)

 

(Projeto da paisagista Gabriella Ornaghi / foto de Edu Castello)

 

A criatividade na hora da execução do projeto é o que vai garantir a beleza do seu jardim. Eles são versáteis, podendo ser aplicados a diferentes cômodos, desde locais pequenos como o banheiro, ou maiores como uma varanda, criando seu oásis pessoal. É uma forma eficiente de projetar um espaço zen na sua casa ou apartamento. 

(Projeto da paisagista Susana Udler / foto de Pedro Abude)

 

(Projeto da paisagista Caterina Poli / foto de Gui Morelli)

 

Por que não acrescentar um cômodo verde à sua casa ou apartamento? As plantas trazem verde e vida ao ambiente, e ainda, algumas espécies ajudam a purificar o ar, como a clorofito, a babosa, a jiboia e a azaleia.

Compartilhe